quarta-feira, 19 de Novembro de 2014

Uma viagem a não perder aos jardins da Madeira

Queridos amigos,
Deixo-vos aqui o desafio para esta fantástica viagem à Madeira em Maio de 2015, uma oportunidade única de ver uma série de jardins fabulosos  bna companhia do  Prof. Raimundo Quintal grande especialista de jardins da Madeira.
Para quem gosta de jardins as viagens da AJH ( Associação de Jardins Históricos) são únicas e imperdiveis !









terça-feira, 18 de Novembro de 2014

Workshop sobre Plantas Suculentas !

Queridos amigos,
Aqui fica a sugestão de um excelente workshop para quem gosta de plantas e suculentas, neste próximo sábado no Horto do Campo Grande, não percam !

segunda-feira, 17 de Novembro de 2014

Sábado foi dia de plantar novos ciclamens ...

Queridos amigos,
Tenho sempre de jardinar no fim de semana nem que seja meia hora,  este fim de semana fui ao Lidl ( passo a publicidade) e vi uns ciclamens lindos a 1.90 euros. Como me morreram dois ciclamens este ano (um cor de rosa escuro e um claro) resolvi comprar dois para os substituir..pois se há planta que eu gosto é di ciclamen, têm a vantagem de estar em flor todo o outono, inverno, primavera e muitas vezes até no verão.
Reciclei dois vasos (exactamente aqueles onde estavam os outros ciclamens)  aproveitei parte do substrato e juntei humus e uma parte de novo substrato siro plant. Depois foi só plantar e regar, não demorei mais de meia hora nesta tarefa e o meu terraço ficou muito mais bonito com menos de 5 euros !

 Os dois ciclamens cor-de-rosa, um mais claro e outro mais escuro
 o meu substrato favorito...
 Renovar o substrato
 Ver se cabe
 Já sem vaso
 Ficou lindo e agora com u humus ainda vai ficar melhor
 Adoro este tom de cor-de-rosa

 O outro vaso e os mesmos procedimentos


Também ficou lindo !
Adoro ciclamens !

Para quem quer saber mais
Cyclamen persicum
Família:Myrsinaceae
Origem: Grécia, Região Mediterrânica
Nome vulgar: Cíclamen
Ciclo de vida: Perene
Propagação: Por semente
Época de plantação: Outono e Inverno
Época de Floração: Outono, Inverno, Primavera
Cor de floração: Rosa, salmão, branco, encarnado
Altura: até 0.20 m
Distância de plantação mínima: 0.2m
Condições de cultivo: Solos bem drenados e ricos em matéria orgânica. Meia sombra, sombra.
Utilização: Como planta de interior, ou de exterior em vaso, floreira, bordaduras mosaico-cultura.


Manutenção: Gosta de regas frequentes. Devem-se arrancar com a mão as hastes florais no final da floração (se cortar fica um emaranhado). Por vezes podem-se arrancar algumas folhas mais velhas e mais descoradas para favorecer o rejuvenescimento e o aparecimento de folhas e flores novas.

Gostam de ciclamens ?
Tém no jardim, no terraço ou mesmo dentro de casa ?
Obrigado pela visita
Até breve
Teresa

Imagens: TC


quarta-feira, 12 de Novembro de 2014

Uma planta com cor de outono todo o ano...

Queridos amigos,
A escolha de uma sebe é sempre uma grande escolha...pois é algo que vai ser muito marcante e que vai estar muito visivel no nosso jardim. Tenho sempre grandes dúvidas na escolha da sebe quando projeto um jardim, mas a fotinia é muitas vezes a minha escolha..Por várias razões, cresce rapidamente, te uma folhagem linda verde e quando podada as folhas novas nascem encarnadas, ou seja tem aquela tonalidade de outono mas todo o ano. Faz um excelente contraste com o verde e é quase sempre uma escolha segura. Dá-se bem de norte a sul do pais e gosto de a podar várias vezes ao anos para estar sempre encarnada. Também pode ser usada isoladamente,  podada (topiada) com várias formas é uma boa opção para vasos, floreiras, terraços, etc. Também fica bem misturada com outras plantas como o ligustrum, eugénia, etc para uma sebe mais irregular.

Se não sabem que sebe escolher poderem a utilização da fotinia, vejam algumas imagens para se inspirarem:



Esta fotografia é de um projeto meu no Estoril



 Fica uma sebe linda

 Mistura com ligustrum
 Talhada em vaso

Para quem quer saber mais

Photinia x fraseri "red robin"
Familia -Rosaceae
Origem - Japão e China
Nome vulgar- Fotinia
Ciclo de vida – Perene
Regime da folha - Folha persistente
Época de plantação – Qualquer altura
Época de Floração – Primavera
Cor de floração – Branca
Altura – até 5 m
Condições de cultivo: Bastante luz, meia sombra, solo bem drenado com matéria orgânica e ph neutro ou ligeiramente alcalino. Folhagem verde com os rebentos novos encarnados.
Utilização: Isolada, em sebe talhada ou livre.


Obrigado pela visita
Até breve
Teresa

Imagens : TC e Pinterest

segunda-feira, 10 de Novembro de 2014

Mood de outono..

Queridos amigos,
Porque o outono merece ser vivido, porque habitualmente só fazemos decorações de Natal, porque não dar um ar outonal à sua casa ? Aqui ficam algumas ideias simples que podem dar aquele mood de outono tão bonito


















Gotaram ? 
Fazem habitualmente decorações de outono ?
Obrigado pela visita
Um abraço e até breve
Teresa

Imagens via : Pinterest

quarta-feira, 5 de Novembro de 2014

Um passeio no Bosque encantado de Oma...

Queridos amigos,

Há dois fins de semana estive na Cantábria e e Pais Basco e tive oportunidade de conhecer um sitio mágico que não conhecia..BOSQUE PINTADO, situa-se perto de Guernica, num sitio lindo que é reserva da biosfera.

Este bosque de pinheiros é uma obra de Landart criada entre 1982 e 1985 pelo pintor e escultor basco Agustin Ibarrola. Os troncos das árvores estão pintados e em conjunto compõem figuras geométricas, humanas e animais.

A ideia é conseguirmos ver as 47 figuras e é um processo de descoberta muito interessante.
Algumas são compostas por duas ou três árvores e outras por dezenas delas, vão desde, arco-íris, relâmpagos, composições de homenagem a pintores como Miro e El Greco, recriação de crianças, adultos, ciclistas, olhos e formas geométricas várias de todas as cores do arco-íris.

Este é um excelente exemplo de Landart e de como a natureza e a arte se completam. Cada um de nós vê um bosque diferente, consoante o sentido da visita e a perspetiva com que vai observando.
Segundo Ibarrola este bosque é uma chave para a cultura basca, inspirado pelas pinturas rupestres do paleolítico que existem na gruta de Santimamiñe a poucos quilómetros daqui.
Para chegar lá temos de deixar o carro a 3 km e fazer uma caminhada a subir e depois a descer..a minha familia queixou-se um bocado mas valeu a pena... pois é uma visita única !

 Painel de entrada onde nos informa que temos de  andar 2,8 km..

Quase a chegar..
 Convite a um beijo 

Esta é uma das primeiras das figuras que se vê quando se desce em direção ao bosque.
 Um expande e o outro contrai numa linha curva 
 O Grande olho 

 Uma figura pintada a branco de grande dimensão  que é composta por pedaços de desenhos em cinco árvores diferentes
Arco-íris na vertical 

Esta é uma das primeiras composições do bosque e foi pintada no início de 1982.

 Relâmpago capturado, relâmpago quebrado 

Esta composição segundo Ibarran aparece como memória a uma grande trovoada que caiu sobre a floresta.
 Casal em azul e encarnado

Um casal a duas cores e a representação de várias pessoas a correr como se estivessem a fugir da polícia.

 Olhos 

Segundo o autor “a vida tem mais olhos do que eu” , esta é uma composição em que dá vontade de parar e observar muito tempo, há olhos a olhar em todas as direções, de todas as formas, cores e feitios, cada passo que damos vemos olhos diferentes, é genial.

Ao estilo do grupo 57
Foi um grupo formado por Augustin Ibarrola em 1957 em Paris em conjunto com artistas como Jorge Duarte, Juan Serrano, etc, uma homenagem à pintura que faziam na época.

Curva, contracurva, concavidade, convexidade, plano 

Os ciclistas estão a chegar 
Uma homenagem a muitos dos visitantes que chegam ao bosque de bicicleta tendo para isso que fazer um percurso acidentado de todo o terreno.

Caminheiros movem-se sem andar 
Uma homenagem a todos os que passam pelo bosque, caminham até lá chegar, param, observam, movem-se sem andar, aparecem e desaparecem. Esta composição foi batizada por Ibarrola como três em um.

Este bosque vale bem uma visita e para isso tire uma manhã ou uma tarde pois precisa de pelo menos 2 ou 3 horas para fazer o percurso até lá


 Conseguir ver as várias composições tem de estar em cima das setas amarelas correspondentes, só dai tem a perspectiva completa. Para ajudar a visita aconselho que imprimam a planta ( fazem dowload no link que coloquei no inicio).
Espero que gostem e se puderem visitem !

Obrigado pela visita
Até breve
Teresa
Imagens :TC